Blog do Sena – Vitória da Conquista- Bahia

Conquista: Prefeitura diz dar assistência a venezuelanos, mas situação dos migrantes é de miséria

Em release divulgado neste sábado (20), a Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista afirma estar dando assistência às famílias de índigenas venezuelanos da etnia warao que enfrentam situação de vulnerabilidade em Vitória da Conquista. A realidade que vemos nas ruas, no entanto, é de miséria e desamparo.

De acordo com o comunicado, sete famílias venezuelanas estão morando em Conquista, mas esse número já chegou a onze. O texto menciona que três indígenas conseguiram emprego com a ajuda do Cras (Centro de Referência de Assistência Social), mas cerca de 40 migrantes estão morando na cidade, muitos desempregados. O texto também menciona ajuda com a viabilização de documentos e encaminhamento para serviços de saúde.

Em contraste com o texto divulgado no site da PMVC, o Blog do Sena flagrou uma realidade dura. Nas ruas, os venezuelanos, mulheres, homens e idosos, muitas vezes acompanhados de crianças, pedem por dinheiro para comprar leite e fraldas. Várias vezes, eles foram vistos segurando placas suplicando por ajuda da população. Os indígenas também enfrentam obstáculos de comunicação, porque falam o dialeto do povo warao, e não espanhol.

Ações para ampliação de políticas para assegurar a garantia de medidas de assistência emergencial para acolhimento a pessoas em situação de vulnerabilidade decorrente do fluxo migratório provocado por crise humanitária é prevista na Lei 13.648 de junho de 2018.

Dados de dezembro de 2020, cerca de 3.300 waraos viviam no Brasil. Em 2014, eram 30. A Venezuela enfrentra uma grave crise econômica.

 


Curta e Compartilhe.

Deixe um Cometário


Leia Também