Blog do Sena – Vitória da Conquista- Bahia

Waldenor e Zé Raimundo destinam R$ 1,2 milhão para entidades sociais conquistenses

Ampliar e fortalecer ações voltadas à  assistência social e melhoria de vida das pessoas em vulnerabilidade, esses foram os objetivos da reunião realizada pelos deputados Waldenor Pereira e Zé Raimundo com entidades sociais, na manhã deste sábado (27), em Vitória da Conquista.

Os parlamentares anunciaram no encontro a destinação de R$ 1,2 milhão em emendas dos seus mandatos parlamentares para o fortalecimento das ações de assistência social no município, reunindo representantes de 16 entidades e da Secretaria de Justiça Social, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS) do Governo do Estado.

O deputado Waldenor explica que esse é um novo setor de atuação do seu mandato na cidade, de valor imaterial, e que pretende ampliá-lo.

“Os nossos mandatos que vem investindo fortemente no que chamamos de capital permanente, com aquisições de equipamentos, construções de unidades de saúde, pavimentações, implantação de sistemas de água,etc, mais recentemente, tem fortalecido ações nos chamados valores imateriais, como a cultura, a ciência e tecnologia, o desenvolvinento do esporte e da assistência social. É um momento muito especial para mim e Zé Raimundo, pois são ações que dizem respeito às vidas das pessoas, à melhoria de vida dos mais vulneráveis”, comentou o deputado federal.

“Primeiramente, é importante que a gente possa entender o momento que estamos passando, os efeitos que a pandemia tem deixado em todo o mundo, a ampliação da desigualdade social entre as pessoas. Precisamos nos perguntar o que podemos fazer para mudar isso, enquanto coletivo de seres humanos, de pessoas. Por isso, entendemos e enfatizamos a importância dessas ações. Eu e Waldenor temos sensibilidade para essa temática, é um ambiente conhecido, que teve importantes e positivas experiências em nossa cidade nos governos do PT”, complementou o deputado Zé Raimundo.

Os investimentos anunciados pelos deputados estão divididos em R$ 500 mil para a entidade Edvanda Maria Teixeira e outras 14 que compõem a rede de proteção social por ela encabeçada; R$ 400 mil para o Centro Popular de Inclusão Social (CEPIS) e R$ 300 mil para a Associação de Mulheres Unidas e Guerreiras de Vitória da Conquista, totalizando R$ 1,2 milhão que será investido em assistência social, esporte e formação profissional.

Fotos: Vinícius Brito


Curta e Compartilhe.

Deixe um Cometário


Leia Também