Blog do Sena – Vitória da Conquista- Bahia

Mulher de 50 anos tem rosto dilacerado na tragédia de Capitólio

Uma mulher de 50 anos teve o rosto dilacerado no desabamento de um paredão de cânion no lago de Furnas, em Capitólio, Minas Gerais, neste sábado (8). Ela é moradora do Rio de Janeiro. Após o ocorrido, a vítima foi levada para a Santa Casa de Passos. Na unidade, segundo o Metrópoles, cirurgiões plásticos precisaram fazer a reconstrução do rosto da mulher.

Ainda segundo o site, um rapaz de 26 anos também foi levado à unidade, que é referência na região. Ele teve trauma na face e fratura do maxilar e também precisou passar por correção cirúrgica. Ambos estavam estáveis até as 19h deste sábado, segundo informações do hospital.

O Corpo de Bombeiros retomou, na manhã deste domingo (9), as buscas por três pessoas que continuam desaparecidas. O acidente deixou ao menos sete mortos no sábado. As operações de resgate foram suspensas durante a noite por razões de visibilidade e segurança.

Inicialmente, foi informado que havia 20 desaparecidos, mas o número foi atualizado para três na noite deste sábado. Isso porque parte das vítimas estava sem contato e foi por conta própria a hospitais da região. Segundo a corporação, 27 pessoas já foram atendidas em unidades de saúde e liberadas.

A Marinha comunicou que vai abrir um inquérito para apurar as causas e circunstâncias do acidente. A Polícia Civil também investiga o caso. Inicialmente foi informado que uma tromba d’água provocou a queda de pedras que atingiram lanchas que estavam na região. Antes, a Defesa Civil já havia advertido para a ocorrência de chuvas intensas.


Curta e Compartilhe.

Deixe um Cometário


Leia Também