Conquista: Camelôs vão fechar o semáforo em protesto por espaço na Estação de Transbordo Herzem Gusmão

A prefeita Sheila Lemos (Dem) vai ter mais uma polêmica para resolver. Os camelôs prometem realizar um protesto na manhã desta segunda-feira (05), em protesto por um espaço na Estação de Transbordo Herzem Gusmão.

Conforme divulgado pelo Blog do Sena em primeira mão, os trabalhadores estão preocupados com sua permanência no local, uma vez que no projeto do novo terminal não há espaço para eles.

O vereador Luciano Gomes (PCdoB) disse à nossa equipe que havia um acordo com o prefeito Herzem Gusmão para que os profissionais permanecessem onde estão oi fossem transferidos para a Alameda Nathan Linhares. Com a morte do gestor, eles esperavam que a prefeita mantivesse o acordo.

Como não houve uma nova sinalização, os camelôs organizaram o protesto para o mesmo dia em que vereadores marcaram uma visita ao local. Assim, eles vão fechar o semáforo da Rua Monsenhor Olímpio. A estimativa é de que 300 pessoas trabalhem como camelôs em Conquista, mas não há um número de pessoas que devem participar do protesto.

Os camelôs temem que sejam transferidos para um local que comprometa a venda de seus produtos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.