Empresário procurado pela Polícia Civil deixou carta antes de cometer suicídio, confira

O empresário ubatense Eugenildo de Almeida Nunes foi encontrado morto nas primeiras horas da manhã deste sábado (03).

Genildo, como era mais conhecido, era um dos homens mais influentes e ricos da Bahia, com investimentos em setores como material de construção, postos de combustível, gado, fazendas, hotéis e mercado financeiro. Segundo informou o site Ubatã Notícias, o comerciante teria cometido suicídio em sua própria residência, no Bairro Esperança, em Ubatã. Uma arma de fogo foi encontrada ao lado do corpo.

Genildo teria deixado uma carta, em que relata a motivação do ato e destacou “Não sou esse mostro”. O empresário vinha enfrentando uma série de denúncias nos últimos dias após uma ação do Gaeco e MP (ver matéria). Ainda não há informações sobre velório e sepultamento. Genildo deixa três filhas. *Com informações do Ubatã Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.