Vitória da Conquista registra mais duas mortes por Coronavírus; casos ativos se aproximam de 500

Até esta segunda-feira (22), o boletim epidemiológico contabiliza 22.247 casos de pessoas com diagnóstico positivo para Covid-19 em Conquista. Desse total, 21.398 delas já estão recuperadas e 494 pacientes seguem em recuperação – 37 estão internados em Vitória da Conquista; quatro, em outros municípios; e 453 em tratamento domiciliar.

Outros 2.902 casos notificados por suspeita de infecção pela Covid aguardam classificação final por investigação clínico-epidemiológico e/ou laboratorial. A Secretaria Municipal de Saúde confirmou, ainda nesta segunda (22), os falecimentos de dois pacientes do município por complicações da Covid-19.

354º óbito –  Homem de 61 anos, morador do bairro Conveima I, sem comorbidades relatadas. Estava internado desde o dia 12 de março no Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC), onde faleceu em 21 de março.

355º óbito – Homem de 44 anos, morador do bairro Nossa Senhora Aparecida, portador de Linfoma. Estava internado desde o dia 27 de janeiro no Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC), onde faleceu em 20 de março.

Ocupação de Leitos – Neste momento, 96 pacientes estão internados em parte dos 148 leitos disponíveis (78 enfermarias e 70 leitos de UTI) na rede SUS para tratamento de pacientes confirmados ou com suspeita de infecção pelo novo Coronavírus. Além de moradores de Vitória da Conquista, também estão internados residentes dos seguintes municípios:

  • Anagé;
  • Aracatu;
  • Barra do Choça;
  • Belo Campo;
  • Brumado;
  • Caetanos;
  • Caetité;
  • Candiba;
  • Cândido Sales;
  • Caturama;
  • Cordeiros;
  • Dom Basílio;
  • Érico Cardoso;
  • Guanambi;
  • Ibicuí;
  • Ibipitanga;
  • Itabela;
  • Itabuna;
  • Itapetinga;
  • Ituaçu;
  • Iuiu;
  • Licínio de Almeida;
  • Livramento de Nossa Senhora;
  • Macarani;
  • Maetinga;
  • Malhada de Pedras;
  • Mortugaba;
  • Palmas de Monte Alto;
  • Riacho de Santana;
  • Rio do Pires;
  • Tanhaçu;
  • Tanque Novo;
  • Tremedal.

Clique aqui para acessar o Boletim epidemiológico completo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.