Conquistenses pedem que terminal de ônibus seja batizado com o nome de Herzem Gusmão

A notícia da morte do prefeito reeleito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão (MDB), foi recebida com muita tristeza pelos conquistenses. O prefeito veio a óbito por volta das 21h da última quinta-feira (18), no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, após um longo período de internamento tratando sequelas do Coronavírus.

Dentre as mensagens de pesar e as manifestações de carinho, uma sugestão foi repetida por muitos internautas: a de que a nova estação de transbordo da Avenida Lauro de Freitas receba o nome de Herzem.

Essa seria a maior obra realizada durante o primeiro mandato do prefeito, realizada com recursos advindo do Finisa. A previsão é de que a obra seja entregue no dia 15 de abril.

Herzem morreu aos 72 anos, sem ter a chance de assumir o segundo mandato para o qual foi eleito, uma vez que desde o início do ano esteve internado tratando sequestras pulmonares deixadas pelo Coronavírus. Sua posse ocorreu de forma remota, sendo essa a última vez que o prefeito foi visto, já na UTI do hospital em que esteve internado até sua morte.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.