Conquista: Herzem quer privatizar a Ceasa e o Mercadão do Centro; Estudo técnico já foi autorizado

De acordo com uma publicação no Diário Oficial do Município da última sexta-feira (15), o prefeito de Vitória da Conquista Herzem Gusmão pretende privatizar a Central de Distribuição de Alimento (Ceasa) e o Mercado do Centro. Caso a privatização seja concretizada, a empresa escolhida passará a ser responsável pela renovação de valores, fixação dos preços para os comerciantes e demais aspectos administrativos dos pontos.

A autorização para que os estudos técnicos sejam realizados já foi concedida e será de responsabilidade da empresa Brazil Fruit – Transporte, Importação e Exportação Ltda. O estudo vai custar R$ 1,1 milhão ao cofres municipais. Posteriormente, esse valor pode ser reembolsado, considerando a utilidade do estudo entregue em um possível processo licitatório. O estudo deve ser concluído em 90 dias.

Contudo, a questão ainda nem passou pela Câmara de Vereadores, assim, o estudo técnico pode ser um gasto desnecessário, uma vez que ainda não existe garantia de que a privatização vá ocorrer.

A justificativa utilizada pelo prefeito Herzem Gusmão de que o local encontra-se em uma “situação precária” vai na contramão da revitalização feita na frente do mercado em 2018 para o fechamento das valetas em frente ao mercadão, além de padronização de barracas e reforma dos passeios, que receberiam pisos táteis. A obra não foi concluída até hoje.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.