Enquanto indefinição do PT continua, partidos da base de Rui em Conquista seguem com articulações

O Partido dos Trabalhadores (PT) adiou para fevereiro do ano que vem o anúncio do seu pré-candidato a prefeito de Vitória da Conquista. A notícia pode ter frustrado os militantes que desejavam uma decisão ainda este ano para o imbróglio que vem se tornando a escolha de um nome petista para enfrentar as eleições de 2020. Enquanto o PT não se resolve, os partidos da base aliada do governador Rui Costa na capital do Sudoeste seguem com suas vidas.

O PCdoB é um deles. Escolheu o deputado Fabrício Falcão para presidente do Comitê Municipal do partido e o lançou pré-candidato. Fabrício disputou as eleições para prefeito em 2016 e tem afirmado que seu nome é certo para o ano que vem. Segundo o deputado, é uma decisão estratégica de seu partido que possui dois vereadores na Câmara Municipal e almeja aumentar sua bancada para cinco.

Outras siglas da base de Rui que também estão se organizando é o PSB e o PP. Ambas fizeram convenções, vêm filiando lideranças e o PP chegou a anunciar Romilson Filho como seu pré-candidato a prefeito. Até o momento, nem mesmo o governador se pronunciou sobre o impasse de seu partido em Vitória da Conquista.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.