Bolsonaro diz que trabalhadores querem ‘menos direito e mais emprego’

O presidente Jair Bolsonaro declarou hoje (25) que o programa de estímulo à empregabilidade que será lançado pelo governo terá foco em pessoas de até 29 anos e a partir de 55 anos. A equipe econômica do Ministério da Economia é responsável pela elaboração da proposta. Durante a viagem a Pequim, Bolsonaro afirmou que os trabalhadores do país pretendem ter menos direitos para ter mais empregos “do que todos os direitos e desemprego”.

“Quem não tem direito nenhum é quem está desempregado”, disse Bolsonaro, sobre o receio de que os jovens que entrarem no mercado a partir da medida terão menos direitos. “É um estímulo à empregabilidade até 29 anos e a partir de 55 anos. Tem uma faixa”, disse o presidente.

“O pessoal reclama que não tem experiência, quando vai ficando velho, ninguém contrata mais velho, então vai ser dado uma ênfase para essas pontas de quando começa trabalhando e quando termina. É uma ideia nessa linha”, finalizou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.